Prefeito Chico Pernambuco pediu apoio também para o melhoramento do transporte coletivo

Devido a falta de aterro sanitário e de outro local destinado ao descarte de lixo em Candeias do Jamari, processo ainda em andamento, o prefeito Chico Pernambuco recorreu ao prefeito de Porto Velho, dr Hildon Chaves, para solicitar a renovação do convênio pelo qual o lixo recolhido no município vizinho possa continuar a ser descartado no aterro controlado, na Vila Princesa, na capital.

O deputado federal Lindomar Garçom, que intermediou o encontro entre os dois prefeitos, explicou ao prefeito dr Hildon que o convênio é uma forma de compensação para o município de Porto Velho, vez que praticamente toda a areia utilizada pela construção civil em Porto Velho, pelo menos 95%, é extraída no rio Candeias, cujo transporte utiliza ruas do município, com toda a consequência de sujeira e sobrepeso no asfalto.

Dr Hildon atendeu ao pedido do prefeito e do deputado Garçom e determinou ao chefe de gabinete, Breno Mendes, encaminhar o pedido de renovação do convênio à Procuradoria Geral do Município. “Vamos estender às mãos ao município irmão no que for possível”, assentiu o prefeito.

TRANSPORTE URBANO

Garçom, o prefeito Chico Pernambuco e os vereadores Marcos da Hora e Ozéias Milenium, pediram ainda o apoio para a manutenção do transporte coletivo urbano dentro da cidade. Há reclamação de que o consórcio responsável pelo serviço estaria pretendendo fazer o transporte apenas do terminal de um município ao terminal do outro. Se isso acontecer, as despesas com o transporte utilizado pelos trabalhadores que moram em Candeias e trabalham na capital e vice-versa, irão, no mínimo, dobrar.

Dr Hildon explicou que sua gestão irá retomar a licitação do transporte coletivo e poderá definir já no edital do processo a inclusão do atendimento ao município, já que, segundo informou o deputado Garçom, a Assembleia Legislativa aprovou projeto de lei tornando o município de Candeias do Jamari como parte da região metropolitana de Porto Velho.

Comentários

comentários