Agentes penitenciários não fazem a segurança pública – O Combatente