KID DUAS CARAS
O filho de um personagem da política rondoniense do passado (com destaque negativo a nível nacional) que recentemente afirmou que achava bom um apresentador nacional ir para os quintos dos infernos tá saindo melhor que a encomenda

 

KID DUAS CARAS II
O interessante que o tal aprendiz de político fala num dia e no outro age como se nada tivesse acontecido, na maior cara de pau, que mostra para que veio. Se puxar a capivara da família, ele não vai durar muito tempo na política e quem sabe seguirá a carreira, já conhecida na cidade onde tem raízes.

 


POLEIRO DE PATO É NO CHÃO
Assim diz a canção que poleiro de pato é no chão vejamos as quais processos nossa bancada federal responde…
Como diz o ditado popular “Estão mais sujos que poleiro de pato”.
Vale a pena ressaltar que todos tem direito a defesa e os processos estão correndo em instancias superiores devido ao direito a foro privilegiado. Mas só está condenado a reclusão o Senador Ivo Cassol.

 

POLEIRO DE PATO NO SENADO
SENADOR ACIR GURGACZ (PDT-RO)
Senador desde 2009, o líder do PDT responde ao Inquérito 3011 pelo crime de dano ao erário, e à Ação Penal 935, por lavagem de dinheiro e crime contra o sistema financeiro.
SENADOR IVO CASSOL (PP-RO)
Primeiro senador condenado à prisão pelo Supremo, em agosto de 2013, Cassol recorre em liberdade da pena de quatro anos e oito meses, em regime semiaberto, e da multa de R$ 201 mil a que foi sentenciado. O ex-governador de Rondônia foi considerado culpado na Ação Penal 565, por cometer crime contra a Lei de Licitações.
Segundo os ministros, ele direcionou licitações a cinco empresas de conhecidos na década de 1990, quando era prefeito de Rolim de Moura (RO). Atualmente, é o senador com mais pendências no Supremo: são dez ao todo. Além do recurso, é réu em duas ações penais (562 e 891) por calúnia e corrupção eleitoral. Cassol ainda é alvo de outros quatro inquéritos (3158,2828, 3614 e  3820por peculato, improbidade administrativa, falsidade ideológica, lavagem de dinheiro, corrupção passiva, contra o sistema financeiro e contra a Lei de Licitações.
SENADOR VALDIR RAUPP (PMDB-RO)
O ex-governador de Rondônia é investigado pela Lava Jato nos inquéritos 39823989426743194323 e 4326  por lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e corrupção passiva. Ele ainda é alvo do Inquérito 4129 por peculato e formação de quadrilha. Também é réu nas ações penais 358, 383 e 577 por crimes eleitorais e uso de documentos falsos, crimes contra o sistema financeiro e peculato
POLEIRO DE PATO NA CÂMARA DOS DEPUTADOS

Expedito Netto (PSD-RO)
Inquérito 4307 Peculato

Lindomar Garçon (PRB-RO)
Inquérito 4020 Captação ilícita de votos
Ação Penal 925 Crimes eleitorais

Lucio Mosquini (PMDB-RO)
Inquérito 4006 Crimes contra a Lei de Licitações

Luiz Cláudio (PR-RO)
Inquérito 4057 Corrupção passiva

Nilton Balbino Capixaba (PTB-RO)
Ação Penal 644 Corrupção passiva, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro
Ação Penal 958 Crimes conta a Lei de Licitações

Comentários

comentários