Ao contrário do que muitos pensam, o Jeep Clube de Porto Velho, que no sábado, dia 14, completa 25 anos com um grande evento, não reúne apenas amantes do off road para trilhas e expedições: o compromisso social é uma ação efetiva e presente em seu estatuto.

Beto Silvestre, ex presidente do Clube, cita que os jipeiros que fundaram o clube em 12 de outubro de 1992, levavam cesta básica nos jeeps e entregavam a famílias carentes que encontravam em suas trilhas, normalmente em lugares distantes e de difícil acesso.

Era uma ação pessoal, mas a partir de 2003 a solidariedade passou a fazer parte dos objetivos estatutários do Jeep Clube, lembra Beto Silvestre, citando como exemplos a participação em campanhas de vacinação, doação de sangue e arrecadação de cesta básica para famílias carentes. Na enchente histórica de 2014, o Jeep Clube deu apoio a defesa civil.

O Jeep é um veículo que consegue entrar em locais onde carros convencionais não chegam. Levamos vacinas e profissionais de saúde em vilas onde os carros da secretaria municipal de saúde não conseguiriam; apoiamos ribeirinhos na enchente em ruas e estradas alagadas e sempre no final do ano realizados a trilha da solidariedade, arrecadando cesta básica, relembra Beto Silvestre.

Parte desta história será apresentada em foto e vídeo durante o evento aberto ao público comemorativo aos 25 anos. Será no dia 14 de outubro, sábado, a partir das 11 horas na concessionária Jeep Raviera, na avenida Tiradentes 3311.

O evento vai reunir todas as tribos de aventuras e off road. Haverá exposição de jeeps, motos, quadricíclos, bikes, carros antigos e veículos militares, homenagens aos ex presidentes, música ao vivo e pupa pula para a criançada.

Beto Silvestre convida a população em geral para participar do evento que se prolongará por toda a tarde e terá comercialização de alimentos e bebidas, fornecidas por food trucks.

 

Alexandre Badra

Comentários

comentários