Quem for aos cinemas assistir Monique Alfradique em “Virando a Mesa”, novo longa de Caio Cobra, vai se deparar com cenas quentes da atriz. Em entrevista ao colunista Bruno Astuto, da revista “Época”, ela contou como aconteceram as gravações da cena em que estava sem roupa.

No filme, Monique vive uma prostituta que trabalha como stripper em um cassino clandestino.

“Já estava filmando há três semanas quando aconteceram. E não era nudez gratuita. O diretor foi delicado, colocou uma música que me ajudou a entrar no clima e tirou grande parte da equipe do set”, disse.

“Já estava filmando há três semanas quando aconteceram. E não era nudez gratuita. O diretor foi delicado, colocou uma música que me ajudou a entrar no clima e tirou grande parte da equipe do set”, completou.

Comentários

comentários