Uma decisão judicial da 4ª Vara Federal de Brasília, tomada pelo juiz federal Itagiba Catta Preta Neto, no dia 12 de dezembro de 2017, determina que até o dia 11 de fevereiro de 2018 deverão ser realocados todos os ribeirinhos entre o Rio Madeira e a BR-364, e até o dia 11 de abril de 2018 deverão ser retirados todos os moradores do distrito do Abunã, em Rondônia.

Na decisão, o juiz não discrimina pra onde deverão ser realocados os moradores de Abunã, apenas determina que deverão ser retirados até 11 de abril.

​No documento, o juiz relata ainda que “conforme informações técnicas prestadas pela Agência Nacional de Água, existe o risco de novas enchentes notadamente no primeiro quadrimestre desse ano, podendo acarretar prejuízos incalculáveis, inclusive, para as vidas de pessoas que residem na comunidade de Abunã”, diz.

Comentários

comentários