Michael Jackson completaria 60 anos neste 29 de agosto. A sua morte precoce, em 2009, deixou milhares de fãs desolados, e inclusive, existe a teoria de que ele permanece vivo, esperando o momento certo para reaparecer. Verdade ou não, o que não podemos negar é a longevidade de sua obra, que, assim como a de Madonna, transpassou décadas e se firmou como uma das mais inventivas e produtivas da história da música e cultura mundiais.

Criador de tendências, de estilos, de passos de dança, de estéticas e de milhares de outros artefatos, é ‘chover no molhado’ afirmar que o aspecto visual de seu trabalho é o grande diferencial. Pensando nisso, reunimos as músicas mais memoráveis da sua longeva carreira, e que servem também para compreendermos as evoluções culturais, tecnológicas e sociais dos últimos cinquenta anos.

Aperte o play e se delicie com o Rei, não do Pop, mas da música!

I Want You Back

Número 1 na parada da Billboard, foi a canção que apresentou o talento de Michael para o mundo.

ABC

Com essa música, Michael conseguiu o que parecia impossível na época: desbancar os Beatles do topo das paradas.

I’ll Be There

Uma das músicas mais tocantes da história: sim ou com certeza? A consagração dos Jackson 5 veio através desse grande hit.

Ben

Tema do filme homônimo de 1972, foi a primeira canção de Michael, em carreira-solo, a atingir o número 1 nas paradas. Começava aqui, definitivamente, o seu reinado.

Music and Me 

Considerada por muitos como a música que sintetiza a importância da carreira de Michael, chega a ser tão ou mais tocante do que Ben.

Happy

Outra faixa de grande sucesso do álbum Music and Me, obra realizada em meio a um período de transição na vida de Michael. Mais um clássico instantâneo do artista.

Don’t Stop’ Til You Get Enough

Uma das maiores rupturas de um artista na história da música. Ao enveredar pela dance music, Michael começou a mostrar que seu talento não ficava restrito apenas à interpretação das músicas.

Rock With You

Misturando R&B com disco music, Michael criou uma canção que causa ecos até hoje no cenário musical. Justin Timberlake e Bruno Mars não nos deixam mentir.

Billie Jean

Com a MTV em ascensão, os clipes se tornaram a marca registrada da interação entre imagem e som. E se tem um vídeo pioneiro nesse processo, é Billie Jean.

Beat It

Quando a música dos brancos se rendeu ao poder e performance da música negra. Como ocorreu? Através da inserção do solo de guitarra de Beat It, comandado por Eddie Van Halen. E, para quem achava que Michael já tinha inovado demais com essa canção, enganou-se…

Thriller 

O maior videoclipe da história. Sem mais.

Human Nature

Para alguns, a melhor música do álbum ‘Thriller’, recordista de vendas até hoje. Prelúdio das baladas R&B que dominaram as rádios a partir dos anos 90. Mas como quem é rei, nunca perde a majestade, ela continua atual, ao contrário das sucessoras.

Bad

Faixa-título do álbum sucessor de ‘Thriller’, a faixa possui duas curiosidades: o clipe foi dirigido por Martin Scorsese, e a música foi construída para ser uma parceria entre os rivais Michael e Prince (que declinou por não gostar da letra).

The Way You Make Me Feel

Mais um número 1 de Michael nas paradas, o clipe possui uma das suas coreografias mais complexas. É a música mais regravada do cantor.

Man In The Mirror

A mistura de pop e gospel influenciou diversos artistas, de George Michael a Madonna (que trouxe o recurso de volta em Like A Prayer). A canção encerrou o funeral de Jackson, em 2009.

Black Or White

Rock, pop e hip-hop, em uma canção que ficou mais de dez semanas consecutivas no topo da Billboard (sendo destronada por um roqueiro loiro chamado Kurt Cobain). Mesmo assim, é uma das marcas registradas de Michael Jackson, e outro clipe histórico do cenário musical.

Heal The World

Anos depois de We Are The World, Michael realizou aqui um dos mais tocantes libelos pela paz no mundo. Grande canção.

Scream

Após um período de escândalos envolvendo acusações de abuso sexual e pedofilia, Michael lançou esta crítica contra o poder de manipulação da mídia, em parceria com sua irmã Janet Jackson. Resultado: o videoclipe mais caro da história.

You Are Not Alone 

Composta por R. Kelly e entregue a Michael, que sabiamente a usou como tradução do momento pessoal difícil que passava na época. Um dos seus últimos grandes sucessos.

Earth Song

Muito antes da globalização e das questões ambientais dominarem os noticiários, Michael já tocava no assunto neste belíssimo clipe.

Menções honrosas

They Don’t Care About Us

Uma das canções mais polêmicas de Michael, e uma crítica às injustiças sociais. O clipe gravado nas ruas de Salvador é histórico por si só.

Stranger In Moscow

Apesar de ter lançado outros trabalhos posteriores a esse, muitos afirmam ser o canto de cisne do Rei. A letra, praticamente autobiográfica, reforça a sensação. Sendo despedida ou não, foi em grande estilo.

 

Henrique Romanine, especial para o Bem Paraná

Comentários

comentários