Será aplicado as penalidades de Multas,cancelamento do Registro de candidatura,inelegibilidade e punição criminal de todos envolvidos .

A juíza eleitoral Úrsula Gonçalves Theodoro de Faria Souza, determinou que o candidato ao governo do estado de Rondônia, Coronel Marcos Rocha (PSL) e outros integrantes da diretoria executiva do seu partido sejam investigados e esclareçam perante a justiça a acusação de crime eleitoral.

De acordo com a representação judicial sob o Processo nº 0601634-34.2018.6.22.0000, Marcos Rocha é acusado de utilizar espaço indevido para a realização de campanha eleitoral, além de se favorecer do trabalho de crianças e estudantes fardados na divulgação do seu numero de candidatura.

Caso seja caracterizado o crime eleitoral serão aplicadas as penalidades de multas, cancelamento do registro de candidatura, inelegibilidade e punição criminal de todos envolvidos. Imagens dos jovens realizando campanha para o Coronel também foram anexadas à representação.

 

JH Notícias

Comentários

comentários