A história da Fórmula 1 foi reescrita. Pela quinta vez, Lewis Hamilton sagrou-se campeão mundial de Fórmula 1. O britânico, que precisava de apenas um sétimo lugar para ficar com o título com duas etapas de antecipação sem depender da posição de Sebastian Vettel, da Ferrari, foi o quarto colocado no Grande Prêmio do México, realizado neste domingo (28) e vencido pelo holandês Max Verstappen, da Red Bull.

Com o pentacampeonato, o piloto de 33 anos se iguala ao argentino Juan Manuel Fangio e fica atrás apenas do heptacampeão mundial Michael Schumacher no ranking de pilotos mais vitoriosos da história da categoria mais importante do automobilismo mundial.

Este foi o quarto título de Hamilton correndo pela Mercedes, depois de faturar as temporadas de 2014, 2015 e 2017. O piloto também foi campeão em 2008, ainda pela McLaren. Foi ainda o segundo ano consecutivo em que o britânico festejou a conquista em solo mexicano.

Ao lado de Verstappen, o pódio da prova teve Vettel e o finlandês Kimi Raikkonen, também da Ferrari. A próxima etapa da temporada 2018 será em 11 de novembro, dia de mais um Grande Prêmio do Brasil no circuito de Interlagos, em São Paulo.

Comentários

comentários