A Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Rondônia (OAB/RO) manifesta seu luto e pesar pela morte do desembargador aposentado do Tribunal de Justiça de Rondônia (TJRO) Cássio Sbarzi Guedes, neste domingo (19). O magistrado tinha 59 anos e estava internado em Juiz de Fora (MG), onde tratava um câncer.

Natural de Minas Gerais, Cássio Sbarzi era graduado em Direito pela Universidade Federal de Juiz de Fora. Ingressou no TJRO em 1982, ao ser aprovado no 1º concurso público para ingresso na magistratura de Rondônia. Atuou nas Comarcas de Guajará Mirim, Vilhena e Porto Velho. Tornou-se desembargador em 2000, foi eleito corregedor-geral para o biênio 2002/2003, nos dois anos seguintes exerceu o cargo de vice-presidente e corregedor do Tribunal Regional Eleitoral, órgão que presidiu de 2008 a 2009. Em 2010, assumiu a presidência do TJRO, ficando no cargo até dezembro de 2011. Também foi presidente da Associação dos Magistrados de Rondônia (Ameron). O magistrado se aposentou em 2013.

Segundo informações dos familiares, Cássio Sbarzi foi acometido por um câncer no pâncreas e, devido a complicações da doença, sofreu uma parada cardíaca na madrugada deste domingo e não resistiu. O corpo será velado e sepultado na cidade de Juiz de Fora, em locais e horários ainda não foram informados.

A OAB/RO, neste momento de dor e consternação, solidariza-se aos seus familiares e amigos enlutados.

Comentários

comentários