Reunido com o presidente da Assembleia e o vice-governador, Hildon explicou adequações no projeto.

 

O prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, recebeu o vice-governador de Rondônia, Daniel Pereira, e o presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho. Na oportunidade falaram sobre a doação de um terreno ao Grupo Irmãos Gonçalves para a construção de um shopping na zona leste da capital. 

Durante reunião no final de semana, o prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves (PSDB), explicou ao presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho (PMDB) e ao vice-governador, Daniel Pereira (PSB), a situação do projeto de um grupo empresarial (Irmãos Gonçalves)  para a construção de um shopping na zona Leste da capital.

Segundo o prefeito, após a polêmica inicial a prefeitura optou por fazer adequações, antes da autorização definitiva para o empreendimento, que deverá gerar 600 empregos diretos, quando em plena operação, além de vários empregos em sua construção.

“Não se trata da doação de uma área para o grupo empresarial. Trata-se, na verdade, da supressão de uma rua que nunca existiu de fato, conforme o processo inicializado ainda na gestão anterior. Mas, identificamos a necessidade de compensação por essa área da via, equivalente em metros quadrados, cujo valor será revertido em melhorias em escolas nas imediações do empreendimento”, explicou o prefeito.

Maurão disse que, feitas as adequações, o projeto é importante para a geração de empregos e para o desenvolvimento da zona Leste da Capital. “Vai gerar empregos, vai atrair mais investimentos e valorizar os imóveis de toda a região. Fazendo esses ajustes, com certeza a cidade toda sairá ganhando”, observou Maurão.

O vice-governador Daniel Pereira pontuou que a cidade não ganha nada impedindo um investimento desta magnitude. “Pelo contrário, vamos perder a oportunidade de receber um grande empreendimento, que vai abrir postos de trabalho digno”.

Emissão de RG

Durante o encontro, as autoridades também trataram do projeto de expansão dos postos de emissão de Carteiras de Identidades, numa parceria entre a prefeitura e o Governo. Serão oito locais para a emissão do documento. Hoje, esse serviço está concentrado no TudoAqui e a descentralização vai trazer mais agilidade no acesso ao RG.

ERANILDO COSTA LUNA

Comentários

comentários