Cleiton Roque toma posse como membro do Conselheiro Curador na FAPERO

O deputado estadual Cleiton Roque (PSB), foi empossado na manhã desta segunda-feira (27), como membro do Conselho Curador da Fundação Rondônia de Amparo ao Desenvolvimento das Ações Científicas e Tecnológicas e à Pesquisa do Estado de Rondônia (FAPERO).

A solenidade de posse foi realizada no da Unir centro e contou com a presença do governador em exercício Daniel Pereira (PSB), o magnifico reitor da Unir Dr. Ari Otti, o presidente da Fapero Elder Oliveira e o secretario adjunto da secretaria de planejamento, Pedro Pimentel.

Elder Oliveira ao fazer o uso da palavra, reiterou o compromisso do governo de Rondônia para com o desenvolvimento das pesquisas no estado, “Houve avanço significativo nestes últimos anos com o advento da criação da Fapero, a aplicação de 30 milhões de recursos nos mais diversos programas de pesquisa e formação e a importância de definir em amplo entendimento recursos para a pesquisa”.

“Tais recursos pra pesquisa no Brasil ainda dependem em sua grande maioria de origem pública e a Fundação vem cumprindo com sua missão de fomento buscando recursos necessários junto ao governo federal”, lembrou o reitor Ari.

Cleiton Roque, representante da assembleia empossado destacou que, “O crescimento sustentável do estado se faz com fomento à ciência, tecnologia e inovação. O estado de Rondônia tem e sempre terá meu total apoio para o desenvolvimento desta área”.

O governador em exercício Daniel pereira, comentou que se faz necessário um olhar diferenciado para a ciência no estado dentro das possibilidades garantindo os recursos necessários.

“A luta dos estados menores para terem acesso aos recursos em ciência e tecnologia nos programas federais é árdua e a Fapero tem conseguido trazer recursos para o estado e a secretaria de planejamento vem garantindo as contra partidas”, afirmou Pedro Pimentel que já atuou como presidente regional do conselho nacional dos secretários de ciência e tecnologia.

O conselho é composto por membros indicados pelas instituições de pesquisa, formação superior, produção entre outras, Embrapa, Ifro, Fiocruz, Emater, Seagri, Idaron, Sebrae, Fiero e Universidade Federal de Rondônia.

Omégeni Ramos

Comentários

comentários