Parlamentar solicitou entrega de Voto de Louvor que acontecerá em alusão ao Dia do Socorrista

A realização de sessão solene para a entrega de Voto de Louvor em homenagem ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), pelos relevantes trabalhos prestados em Rondônia, foi solicitada pelo deputado Luizinho Goebel (PV), através de requerimento à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa.

Segundo o parlamentar, a homenagem acontece em alusão ao Dia do Socorrista, comemorado no dia 11 de julho e se estende aos profissionais do Samu.

Goebel ressaltou que os trabalhadores que atuam na prestação de socorro de emergência e dedicam suas vidas ao ato de ajudar o próximo e salvar vidas merecem a homenagem, dada à importância da atividade que desenvolvem em benefício do próximo e de toda a sociedade.

O Samu faz parte da Política Nacional de Urgências e Emergências e ajuda a organizar o atendimento na rede pública prestando socorro à população em casos de emergência, sendo um componente assistencial móvel da Rede de Atenção às Urgências. O objetivo é chegar precocemente à vítima, após ter ocorrido um agravo à sua saúde, que possa levar a sofrimento, a sequelas ou

mesmo à morte, mediante o envio de veículos tripulados por equipe capacitada, acessado pelo número 192 e acionado por uma Central de Regulação das Urgências.

O serviço funciona 24 horas com equipes especializadas e integradas por médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e socorristas que atendem às urgências de natureza traumática, clínica, pediátrica, cirúrgica, gineco-obstétrica e de saúde mental da população.

Diferencia-se do serviço de resgate dos bombeiros justamente por prestar todos esses atendimentos já no local da ocorrência, ou seja, em residências, locais de trabalho e principalmente em vias públicas.

O Samu é acionado com uma ligação telefônica gratuita para o 192, atendida por técnicos que identificam a emergência e, imediatamente, transferem para o médico regulador.

Este faz o diagnóstico da situação e inicia o atendimento no mesmo instante, orientando o paciente por telefone. Em muitos casos é acionada uma ambulância ou uma UTI móvel com equipe a bordo que procurará chegar ao local da ocorrência em poucos minutos

JULIANA MARTINS

Comentários

comentários