Deputado defende implantação de programa para alavancar pequenas e médias empresas do ramo

O deputado Laerte Gomes (PSDB), na sessão desta quarta-feira (28), destacou a necessidade de o Poder Executivo impulsionar o fortalecimento dos médios e pequenos frigoríficos de Rondônia. Segundo o parlamentar, a iniciativa contribuirá para dar oportunidade de concorrência, opção de escolha aos pecuaristas e crescimento na geração de emprego e renda.

De acordo com o deputado, a JBS Friboi detinha 50% do mercado interno do Estado, porém com a crise no segmento os médios e pequenos empresários arcaram com uma brutal queda no valor do boi.

Laerte Gomes informou que se reuniu com pequenas empresas do ramo de Ji-Paraná, Ariquemes e Porto Velho onde solicitaram o apoio do deputado para, junto ao governo do Estado, apoiar o fortalecimento do setor.

O deputado explicou que os empresários pediram uma reunião com o governador Confúcio Moura (PMDB) para tratar da possibilidade de o Estado implantar o programa Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisb-Poa), que faz parte do Sistema Unificado de Atenção a Sanidade Agropecuária (Suasa).

De acordo com os proprietários de abatedouros, trata-se de uma porta aberta pelo governo federal, mais especificamente pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que é responsável pela área de atuação dos frigoríficos.

“Além de ser uma oportunidade ímpar de ajudar a fortalecer esses pequenos e médios empresários, essa adesão contribuirá com o aumento da arrecadação do Estado, uma vez que a possibilidade representa o crescimento do setor e o comércio da carne de Rondônia para o Brasil”, declarou Laerte Gomes.

Comentários

comentários