Trabalhos de reeducandos Rondônia são exibidos em mostra nacional

A 2ª Mostra Laboral do Sistema Prisional Brasileiro inicia na noite desta terça-feira (24) em Florianópolis-SC, mas o stand de Rondônia já está  instalado desde as 9 horas da manhã, com exposição de produtos feitos por reeducandos, como esculturas em madeira, tapetes, toalhas de renda, pinturas, bolas e outros artigos esportivos. E através da exibição de fotos, os visitantes ainda podem conhecer as atividades laborais desenvolvidas nas unidades prisionais.

O evento, que tem a proposta de ampliar as discussões em torno do tema sobre a inserção das pessoas em privação de liberdade no mercado de trabalho, segue até quinta-feira (26) com a participação de especialistas e representes do governo federal e do sistema penitenciário dos estados brasileiros. Rondônia está representada pelo titular da Secretaria de Justiça (Sejus), Adriano de Castro, acompanhado de servidores da pasta que atuam na coordenação dos projetos voltados à ressocialização, capacitação e inserção  dos reeducandos no mercado de trabalho.

Palestra

A noite de abertura da 2ª Mostra Laboral do Sistema Prisional Brasileiro tem como destaque a palestra do médico e escritor Drauzio Varella, que discorrerá sobre o tempo, para quem vive recluso, as transformações dos estabelecimentos prisionais e os operadores do sistema.

Varella é autor de importantes obras sobre a população carcerária: em 1999 lançou o livro Estação Carandiru, que conta sobre seu trabalho com os presidiários do Carandiru – a extinta c asa de detenção de São Paulo que foi palco do massacre histórico ocorrido em 2 de outubro de 1992, que resultou na morte de 111 presos; e em 2012 o médico lançou Carcereiros, que mostra o cotidiano dos agentes carcerários no Carandiru.

 

O que? 2ª Mostra Laboral do Sistema Prisional Brasileiro
Onde? Florianópolis, Santa Catarina
Quando? De terça (24) a quinta-feira (26)

 

Assessoria de Comunicação

Secretaria de Estado de Justiça de Rondônia (Sejus)

Comentários

comentários