Reunião foi marcada pelo senador Marcos Rogério (DEM), que também esteve presente

O presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, Laerte Gomes, acompanhou os empresários Eduardo de Almeida Ferreira e Caio Faitarone em audiência com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e o secretário-executivo da pasta, Marcos Montes, para tratar da conclusão do credenciamento do frigorífico Rio Beef de Ji-Paraná para exportar carne in natura para a China. A reunião foi marcada pelo senador Marcos Rogério (DEM), que também esteve presente.

Laerte Gomes foi peça chave na manutenção da planta Rio Beef, localizada no bairro Capelasso em Ji-Paraná. Os atuais diretores resolveram tomar conta do empreendimento, quitar as dívidas com fornecedores, salários e encargos trabalhistas. Laerte pediu ao Governo do Estado a concessão de incentivos fiscais na Secretaria de Finanças (Sefin), o que foi realizado em pouco mais de 40 dias, garantindo a manutenção do emprego de mais de 500 trabalhadores.  “Fui testemunha da pressão sofrida com o fim das atividades do Tangará, mas no final deu tudo certo e o mais importante foi mantido, que foi o emprego das pessoas”, disse Laerte quando esteve visitando há menos de 15 dias a planta anunciando a construção de uma UBS no Capelasso com recursos de uma emenda de sua autoria no valor de R$ 800 mil.

Além de manter os empregos, a Rio Beef está garantindo renda para o Estado ao abater 19 mil cabeças por mês. O objetivo é aproveitar a abertura do comércio com a China para incrementar a produção e trazer divisas para Rondônia.

O presidente da Assembleia Legislativa foi acompanhado do corregedor-geral da Casa, Guilherme Erse.

Comentários

comentários