Meta do prefeito é que os veículos sejam entregues até março de 2020, já que em abril inicia o ano letivo

O prefeito Hildon Chaves viaja a Brasília nessa terça-feira (26). Na quarta, entre outras agendas, ele terá nova reunião com o presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Rodrigo Dias. “Vamos pedir celeridade e prioridade na entrega dos ônibus para o transporte escolar rural em Porto Velho”, disse.

A expectativa do gestor é que esses veículos, num total de 145, sejam entregues no começo de março do próximo ano, para que em abril, quando iniciar o ano letivo na rede municipal de ensino, os estudantes tenham transporte digno para chegar até a escola sem a interferência e os transtornos causados por empresas terceirizadas.

Para tanto, Hildon Chaves reitera que o Município já aderiu a ata de registro de preços feita pelo FNDE, e que de posse desse documento, a Prefeitura poderá adquirir os ônibus praticamente pela metade do preço e sem a necessidade de realizar nova licitação.

Reunião

O transporte escolar também foi um dos principais assuntos tratados entre Hildon Chaves e moradores da região conhecida como Ponta do Abunã, próximo à divisa com o Acre e representantes do distrito União Bandeirantes, perto de Jaci-Paraná, a 160 quilômetros de Porto Velho. A reunião no gabinete do prefeito começou no final da tarde e se estendeu pela noite.

Hildon Chaves explicou que o Município nada mais pode fazer este ano, devido a justiça ter decretado a intervenção do setor por parte do Governo Estadual e em razão do curto espaço de tempo para se realizar nova licitação, uma vez que o Ministério Público orientou pelo cancelamento do contrato com a empresa prestadora do serviço.

Entretanto, o prefeito garante que vai solucionar o problema de uma vez por todas e de forma correta. “Nós vamos resolver”, pontuou depois de explicar as ações que estão sendo feitas junto ao FNDE em busca da solução definitiva com aquisição de frota própria.

Outras demandas

Os moradores ainda apresentaram outras demandas nas áreas de limpeza, tapa-buracos, encascalhamento e pavimentação de ruas, saúde, recuperação de estradas e iluminação pública, entre outras. As mais simples e mais urgentes, Hildon Chaves garante que serão resolvidas o quanto antes, sendo que muitas delas, inclusive, já estão sendo solucionadas.

Com relação as mais complexas, serão feitos levantamentos técnicos para encaminhar as soluções dentro das possibilidades de recursos. “Tudo o que for possível fazer a gente vai fazer”, frisou Hildon Chaves, que agradeceu pelo contato direto com os moradores. A reunião foi acompanhada por vários secretários, vereadores e o ex-deputado federal Lindomar Garçom.

Comdecom

Comentários

comentários