Entidade de Presidente Médici acolhe mulheres com transtornos, decorrentes do uso de substâncias psicoativas

O presidente da Assembleia Legislativa, Laerte Gomes (PSDB), apresentou projeto de lei que declara de utilidade pública a Pia União das Irmãs da Copiosa Redenção, que tem a sua sede localizada em Presidente Médici.

“Com a declaração de utilidade pública, a entidade vai poder atuar com mais segurança e ter as portas abertas para outras ações, como convênios e parcerias com outras entidades e instituições públicas ou privadas”, explicou Laerte.
Publicidade

A Pia União das Irmãs da Copiosa Redenção, conhecida e reconhecida popularmente como Comunidade Terapêutica Monsenhor Gabriel Mercol, tem atuação destacada em Presidente Médici. “Trata-se de uma entidade sem fins lucrativos, destinada a acolher mulheres adultas com transtornos, decorrentes do uso, abuso ou dependência de substância psicoativa”, disse o deputado em sua justificativa do pedido de utilidade pública à entidade.

Fundada em 26 de agosto de 2011, a entidade acolhe mulheres com idade entre 18 e 60 anos, que necessitam de afastamento do ambiente no qual se iniciou, desenvolveu ou se estabeleceu o uso ou a dependência de álcool, crack, maconha, cocaína ou outras substâncias.

A matéria será analisada nas Comissões Temáticas da Casa e em seguida será levada ao plenário, após a retomada dos trabalhos legislativos.

Eranildo Costa Luna-Decom-ALE/RO Foto: José Hilde-Decom-ALE/RO

Comentários

comentários