Cursos da grade deste mês de março estão suspensos até o início do próximo mês de abril

A preocupação com a saúde levou a direção da Escola do Legislativo, braço educacional da Assembleia Legislativa (ALE) a paralisar as atividades, temporariamente, devido ao avanço do coronavírus. As aulas que estavam previstas para este mês serão respostas no retorno dos trabalhos.

A grade deste mês de março é composta de onze cursos e quatro deles foram iniciados na última segunda-feira (9), após o recesso legislativo. Dois (Liderança de Sucesso com Ênfase em PNI e Coaching e Oratória e Comunicação no Serviço Público) foram encerrados nesta sexta-feira (13), ambos com duração de 20 horas/aula.

“Não podemos contrariar a realidade e ignorar o vírus que já foi considerado pela Organização Municipal da Saúde (OMS) como pandemia. Temos salas de aula de 200 a 100 alunos, por isso não vamos colocar a vida das pessoas em risco”, afirma o diretor geral da escola, Fábio Ribeiro.

Os alunos estão sendo avisados diretamente pela secretaria da escola. A meta é retomar as atividades, após três semanas e retornar à ativa no próximo dia 3.

Os cursos de Informática Básica e Digitação, que tem período de 40 horas/aula e ministrado em dois horários (8h às 10\h e das 10h às 12), ambos com mais de 100 alunos, iniciados na segunda-feira e conclusão prevista para o próximo dia 9 também estão suspensos e retornarão somente a partir do dia 3 de abril.

“Esperamos a compreensão de todos. A realidade do coronavírus, que se espalhou pelo mundo é preocupante e, graças a sensibilidade dos nossos deputados estamos suspendendo, temporariamente as atividades da escola, para se evitar a contaminação com o vírus, que em certas situações é letal”, alerta Fábio

Comentários

comentários