O Centro de Atendimento de Coronavírus vai funcionar no CEM e atender apenas casos encaminhados pelo Call Center

Ontem terça-feira (31), o Call Center para atendimento a pacientes com suspeita de Covid-19 estará à disposição da população de Porto Velho. O número 0800 647 5225 vai funcionar como teleconsulta, onde o paciente será atendido por uma equipe médica e, conforme os sintomas apresentados, encaminhado para atendimento presencial.

A pedido do prefeito Hildon Chaves, a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) elaborou um fluxo de atendimento. Pacientes com sintomas leves precisam obedecer ao isolamento social domiciliar obrigatório. Os de sintomas moderados necessitam da consulta presencial, que serão realizadas no recém-criado Centro de Atendimento para casos suspeitos do novo coronavírus. E aqueles com sintomas graves serão orientados a ligar para o 192 (SAMU) ou procurar a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) mais próxima de casa.

Equipes compostas por 27 médicos especialistas, estarão em plantão 24 horas com o objetivo de atender a população, tirar dúvidas e esclarecer as condutas corretas de acordo com cada sintoma.

Centro de Atendimento para casos suspeitos

Para atender as pessoas que apresentam sintomas moderados de Covid-19, a prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) criou o Centro de Atendimento para casos suspeitos do novo coronavírus, que a partir desta terça-feira (31) entra em funcionamento no Centro de Especialidades Médicas (CEM). A unidade vai atender exclusivamente aqueles pacientes encaminhados pelo Call Center (0800 647 5225).

O Centro de Atendimento para casos suspeitos do novo coronavírus vai funcionar 24 horas, com uma equipe multiprofissional formada por médicos, enfermeiros e demais profissionais capacitados para prestar apoio e acolhimento adequado à população.

O Centro de Especialidades Médicas (CEM) está localizado na Avenida Sete de Setembro (esquina com Av. Rio Madeira) nº 2010.

Comentários

comentários