Call Center e Centro de Atendimento aos casos suspeitos de Covid-19 foram vistoriados

Na manhã desta quarta-feira (1), o prefeito Hildon Chaves visitou as unidades que foram instaladas pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) para atender e orientar a população quanto aos sintomas suspeitos do novo coronavírus.

O Call Center, local onde médicos atendem a população pelo telefone 0800 647 5225, e o Centro de Atendimento, que vai receber os pacientes encaminhados pelo Call Center foram inspecionados.

A secretária titular da Semusa, Eliana Pasini, e a adjunta, Marilene Penati, acompanharam o prefeito.

A visita começou pelo Call Center, onde uma equipe compostas por 27 médicos estão em plantão 24 horas para atender a população, tirar dúvidas e esclarecer as condutas corretas de acordo com cada sintoma. Os profissionais que integram o Call Center estão protegidos pelo decreto n° 16612 de 23/03/2020.

Para o prefeito Hildon Chaves, “esta é uma forma onde eles continuam atendendo à população com a saúde preservada e nós cumprimos com o dever de não expor esses profissionais”, destacou.

Em seguida o prefeito visitou o Centro de Atendimento para casos suspeitos do novo coronavírus. A unidade foi montada no Centro de Especialidade Médicas e vai atender exclusivamente aos casos encaminhados pelo Call Center (0800 647 5225). Uma estrutura ampla com salas para atendimento individual, laboratórios, espaço para realização de exames e profissionais capacitados para atender a demanda.

Durante a visita, a secretária titular da Semusa, Eliana Pasini, explicou que o Centro de Atendimento para casos suspeitos do novo coronavírus não é uma unidade de portas abertas, ou seja, “para este ambulatório serão encaminhados apenas os casos que necessitam de consulta presencial, identificados anteriormente na teleconsulta do call center”, ressaltou.

Segundo o prefeito Hildon Chaves, “a prefeitura de Porto Velho está colocando em prática ações preventivas e ostensivas contra a Covid-19 para ajudar na garantia da saúde da população e na contenção da disseminação da doença”, finalizou o prefeito.

Comdecom

Comentários

comentários