Um áudio que circula em grupos de WhatsApp pode revelar detalhes que cercam a morte de uma mulher de 63 anos, com suspeitas de Coronavirus quando estava sendo levada, numa ambulância, de Ji-Paraná para Cacoal. O óbito aconteceu na segunda-feira, 13. Um médico de Ji-Paraná, que conheceu a paciente, e ele confirmou que a voz na gravação, que tem sido compartilhada em vários grupos no WhatsApp, é mesmo da servidora pública. O site obteve o Boletim Epidemiológico que confirma o diagnóstico abaixo.

20200416-be_01-2020

O profissional de Saúde disse que a idosa havia procurado o Hospital Municipal de Ji-Paraná alguns dias antes de morrer. Ela foi orientada a ficar isolada e, em caso de agravamento de seu quadro, buscar ajuda na rede pública.

O médico também revelou que o irmão da mulher está entubado na UTI de Cacoal. Mas, enquanto o resultado dos exames da paciente ainda não saíram os testes no irmão dela confirmaram que ele está infectado pelo Coronavirus.

O médico entrevistado não sabe quando a paciente produziu o áudio, na qual dá detalhes que podem revelar como ela e os familiares contraíram a doença, mas acredita que a gravação tenha sido feita poucos dias antes do falecimento. “Pela idade e a obesidade, ela fazia parte do grupo de risco”, informou o entrevistado.

OUÇA O ÁUDIO

com informações FOLHA DO SUL

Comentários

comentários