Candidato Hildon Chaves explica que equipamento substituirá o que foi retirado pelo governo e levado ao interior

LEIA MAIS: No mesmo dia que Diretor do DER deixou o povo da Capital sem asfalto…

O prefeito Hildon Chaves (PSDB), que concorre à reeleição com o número 45, explicou que desta forma será possível substituir o equipamento retirado pelo governo da zona sul da capital e dar seguimento ao cronograma de serviços.

Hildon Chaves disse que a prefeitura comprará a máquina independente do resultado das eleições “Digo mais já foi até a aberto o pregão para compra da mesma, com data marcada para tal”,  porque o município precisa de mais um equipamento para que possa executar com celeridade os serviços de asfaltamento.

“A prefeitura tem dinheiro em caixa para adquirir o equipamento à vista, devido aos recursos economizados com medidas moralizadoras. Acontece que eu não encontro uma máquina dessas ali na esquina, e o processo demora um pouco mesmo. Mas, logo o município contará com tudo o que é necessário para que as ruas sejam asfaltadas sem contratempos”, destacou Hildon Chaves.

LEIAS MAIS: Máquina de asfalto retirada de Porto Velho pelo DER é encontrada abandonada em sítio…

O prefeito esteve vistoriando as ruas recém asfaltadas para rebater declarações de adversários, de que o asfalto feito pelo município é “casca de ovo”, como nas administrações anteriores. Hildon Chaves mostrou que o asfalto é de qualidade e que nas vias pavimentadas pela primeira vez a espessura é de cinco centímetros, como nas rodovias.
Entenda o caso

A máquina pavimentadora estava cedida ao município pelo Estado desde a época do governador Confúcio Moura. O atual governador Marcos Rocha nunca fez sequer um metro de asfalto em Porto Velho com os outros equipamentos e a retirada da máquina cedida, da forma que foi feita, garantiu melhorias ao interior, mas prejudicou os moradores da capital.

LEIA MAIS:
Diretor-geral do DER vira garoto propaganda após sumir com máquina que fazia asfalto na capital

O município tem uma outra máquina pavimentadora, que agora precisa ser levada de uma frente de trabalho a outra, atrasando o andamento das obras. Mesmo assim, a pavimentação das vias da capital não parou. No momento, o asfaltamento está sendo executado na rua Nova Esperança, no bairro Caladinho.

 

assessoria de campanha

Comentários

comentários